English Dutch French German Portuguese Spanish
Menu

Exploração mineira para extração de Lítio em Melgaço, Monção e Arcos de Valdevez pode por em risco o potencial natural da região

O impacto do processo de extração do lítio preocupa-me e nesse sentido levantei a questão perante o Ministro do Ambiente e de Transição Energética João Pedro Matos Fernandes, hoje, na Comissão de Ambiente, Ordenamento do Território, Descentralização, Poder Local e Habitação.

O Governo referenciou a área de Fojo (Melgaço, Monção e Arcos de Valdevez), com mais de 74 km2 , como área para prospeção e pesquisa de depósitos de Minerais, entre os quais o Lítio.

 

 

As preocupações principais prendem-se com o facto de esta área abranger a nascente do Rio Vez, podendo correr riscos sérios de contaminação.

 

Por outro lado, esta área no Coração do Alto Minho, tem a belíssima aldeia de Sistelo, eleita como uma das sete maravilhas de Portugal podendo ver a sua paisagem seriamente prejudicada pelo impacto do processo de extração dos minerais.

A área do Soajo e Peneda vivem do turismo da natureza, o qual é a sua maior fonte de rendimento.

 

O aviso 4722/2019 que foi publicado em Diário da república a 20 de fevereiro de 2019, informa que uma empresa requereu os direitos de prospeção e pesquisa de depósitos de vários tipos de minerais, entre os quais o Lítio.

 

A questão da importância do lítio não se põe em causa, mas não pode valer tudo, nomeadamente acabar com a força económica local que deriva do potencial natural. Isto porque o Lítio em Portugal se encontra essencialmente na rocha e quanto mais concentrado for, mais rocha terá que ser extraída e cavada.

Numa área de mais de 74 km2, imaginamos o impacto brutal que esta prospeção terá.

 

Assim pedi esclarecimentos ao Ministro do Ambiente para o facto de existirem zonas que abrangem nascentes de rio e uma aldeia de referência e interesse nacional, referenciadas pelo governo para prospeção de Lítio. E ainda se foram acauteladas todas as questões relacionadas com o impacto ambiental e com a economia que movimenta aquela região.

 

 

 

O Ministro respondeu que só limitaram áreas e que só haverá exploração depois de um estudo de impacto ambiental.

 

 

Esta resposta foi vazia de conteúdo e responsabilidades porque o problema está concretamente na área que o Governo delimitou. O Alto Minho e o nosso património merecem mais respeito.

 

 

 

 

You are here: HomeMiningLithium MiningLithium PTExploração mineira para extração de Lítio em Melgaço, Monção e Arcos de Valdevez pode por em risco o potencial natural da região
  • ASMAA - Algarve Surf and Marine Activities Association
    NIPC: 510 381 952
    Tel: 00 351 282 182 103
    This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
    asmaa-algarve.org
    Rua Dr. Alberto Iria
    Lote 12, R/C Esq
    Porto de Môs
    Lagos 8600-580
    Portugal
Go to top