English Dutch French German Portuguese Spanish
Menu

Furo da Galp/ENI na Bacia de Aljezur ... o jogo de sombra continua!

De acordo com informação divulgada a um jornalista no dia 4 fevereiro, as concessionárias Galp/ENI dizem que tudo foi, de facto, suspenso. E reafirmam que a retirada da página do DGEG foi apenas uma formalidade que já estava prevista no dia 31 de janeiro.

Mas as dúvidas persistem por falta de clareza e transparência.

Foram suspensos ou terminados, os contratos?

O que é que Galp/ENI querem realmente afirmar com esse comentário? "que os trabalhos foram temporáriamente suspensos?” ou “que os contratos foram encerrados e terminados”?; estamos perante um “adiamento da execução” dos trabalhos ou o “cancelamento dos contratos"?

Na nossa opinião, enfrentamos, mais uma vez um jogo de sombras que tentam criar uma cortina de fumo neste jogo que continua a ser jogado. Mas, e quanto a nós, a falta de clareza por parte do governo e das concessionárias indica-nos sem margem para duvidas, que a única coisa que está sobre a mesa são truques de palavras. Isto também denota uma estratégia do governo e das concessionárias no sentido bem articulado entre ambas as partes de iludir e enganar a população.

A realidade é que, até agora, ainda não existe nada conclusivo; não temos provas de que os contratos estejam mesmo cancelados, porque o governo e as concessionárias se recusam a divulgar as suas decisões.

 

Formalidades … leva-as o vento!

 

E em relação á “formalidade” referenciada pelas concessionárias e pelo Secretário de Estado de Energia de que cópias dos contratos foram retirados do sítio da DGEG na Internet, mais uma vez usando truques de ilusionismo, não confirmam o seu cancelamento. E representam, apenas, um atentado deliberado à inteligência da população.

 

 

Esta opinião é reforçada quando analisamos um documento da DGRM, onde é claramente dito que a exclusão de documentação de qualquer sítio governamental na Internet não é prova de que processos estejam terminados ou cancelados.

Estra afirmação foi feita pela ENMC durante reuniões entre a ENMC e a DGRM. (extrato de texto em baixo)

 

Image34

 

Conclusão

Até prova clara e oficial de que todos os contractos de concessão, nomeadamente para as areas de Lavagante, Gamba e Santola estão de facto totalmente extintos, a luta continua.

 

 

You are here: HomeNewsNoticiasFuro da Galp/ENI na Bacia de Aljezur ... o jogo de sombra continua!
  • ASMAA - Algarve Surf and Marine Activities Association
    NIPC: 510 381 952
    Tel: 00 351 282 182 103
    This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
    asmaa-algarve.org
    Rua Dr. Alberto Iria
    Lote 12, R/C Esq
    Porto de Môs
    Lagos 8600-580
    Portugal
Go to top